quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Queremos ir al Algarbe!

Por Assis Coelho
[Relações Públicas - Turismo do Algarve]

Todos os anos é assim: para além das férias de Verão, as pontes e os feriados são períodos férteis em visitantes espanhóis em todo o Sul de Portugal, concorrendo em número com os turistas portugueses e de outras nacionalidades.
Mesmo em pequenos grupos, nuestros hermanos facilmente se fazem ouvir – mais ainda em pequenos espaços, como um posto de turismo.
Lembrei-me de uma Páscoa passada a trabalhar, há década e meia, então no Turismo de Tavira. Era hora de almoço, os espanhóis davam luta e não desmobilizavam, estava eu a ficar sem fôlego...
Entravam em bando, não podia evitar de atender este jovem casal e mais aquela família bem-disposta, com avós, filhos e netos impecavelmente vestidos. Afinal, era Dia Santo!

Mal entravam, o pedido era certo: “Queremos ir al Algarbe!” Sim, estavam em Tavira mas todos queriam era ir ao Algarve… Enfim, revelada a boa nova, lá diziam ao que vinham: estava um tempo óptimo, era Abril e a praia exercia já um grande poder de atracção sobre os turistas, espanhóis e não só. Queriam praia!

Não admira que tenha passado o Domingo de Páscoa, a festa mais importante para os cristãos – mais ainda do que o Natal – a dar as boas-vindas ao Algarve e explicações sobre como chegar à praia, na Ilha de Tavira.

Um atrás do outro, atrás do outro, a todos a mesma lengalenga e o estômago que reclamava pelo cabrito prometido pela melhor cozinheira de todas – a minha mãe! Mas nesse ano, os sabores de Páscoa tiveram de esperar pelo jantar…


Telhados de Tavira

1 comentário:

  1. Muito bom este artigo Assis ! Divertido QB, mas passa muito bem a mensagem certa.
    Abraços e continuação de bom trabalho.

    Olivier P. Soares

    ResponderEliminar