terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Tavira, história e natureza de mãos dadas

Por Miguel Peres dos Santos
[Historiador e Gestor Cultural - Tavira]

Desde cedo me apaixonei pelo estudo da História e pelas Artes. Penso que essa grande paixão se deveu a ter nascido e por viver na bela e monumental cidade de Tavira, cidade onde em cada recanto e em cada rua há uma história para contar, um segredo para revelar.

Quem chega a Tavira, vindo de norte pela A22, pode ver, no horizonte, o azul do mar, os areais das ilhas barreira que formam a maravilha natural que é a Ria Formosa, sempre acompanhado pelas torres sineiras das inúmeras igrejas que compõem o património religioso desta cidade. Este é sem dúvida o lugar por excelência onde a História e a Natureza andam de mãos dadas…

Lembro-me de diversas lendas que se contavam em torno da ocupação islâmica da cidade, que se relatavam no ensino primário e preparatório e que nos acompanhavam nas visitas de estudo pelas ruas estreitas do centro histórico. Falavam do amor entre cristãos e mouras, e levavam-nos a viajar no tempo. Eram histórias da época áurea da cidade, onde mercadores e navegadores se encontravam nas margens do Rio Gilão. Ou mesmo histórias da vida monástica em alguns templos, que ainda hoje resistem para contar um tempo passado. Ou então histórias da nobreza que aqui se fixou devido à beleza da paisagem e do espaço envolvente, que podemos contemplar no habitat natural e único que é a Ria Formosa, onde existem uma fauna e flora diversas, em ambiente protegido.

Estas histórias de encantar deixaram de fazer sentido quando me formei em Património Cultural, na Universidade do Algarve. As teses históricas contradizem as lendas que me fizeram apaixonar pela História e pelas Artes, apesar das lendas terem sempre um fundo de verdade que devemos ter em conta. Nunca deixei de me encantar pela procura do passado, pela busca de novos factos, pela busca de uma nova tese… mas principalmente nunca deixei de estar apaixonado, pelos encantos da minha Tavira.


Castelo de Tavira

1 comentário: