segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Dia dos namorados

Porque o Algarve também é um destino romântico, não quisemos deixar passar o dia de hoje sem fazer uma pequena homenagem ao Amor.
Para isso escolhemos um texto do poeta algarvio António Ramos Rosa que aqui deixamos.


Não posso adiar o amor
Não posso adiar o amor para outro século
Não posso
Ainda que o grito sufoque na garganta
Ainda que o ódio estale e crepite e arda
Sob montanhas cinzentas
E montanhas cinzentas
Não posso adiar este abraço
Que é uma arma de dois gumes
Amor e ódio
Não posso adiar
Ainda que a noite pese séculos sobre as costas
E a aurora indecisa demore
Não posso adiar para outro século a minha vida
Nem o meu amor
Nem o meu grito de libertação
Não posso adiar o coração


Sem comentários:

Enviar um comentário