segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

1001 Praias: Ilha Deserta (Barreta)

A ilha Deserta é uma das mais bem conservadas e menos frequentadas praias do Algarve. É uma área completamente desabitada da ria Formosa. Raro santuário, a ilha Deserta convida à tranquilidade e ao descanso.



Cerca de 10 km de silêncio e sossego caracterizam a ilha Deserta, onde tudo parece encaixar-se perfeitamente entre mundos tão distintos como a terra, o mar e o ar.

O acesso faz-se por mar, a partir do sugestivo cais da Porta do Sol, em Faro. Vale sempre a pena atravessar os labirintos de areia e vasa da ria Formosa e o barco serpenteia por canais e bancos de sapal. Pelo caminho há que prestar atenção às diversas aves que por aqui se alimentam, como os graciosos flamingos.

O cordão dunar mantém preservada a sua vegetação original bem como a capacidade de abrigar fauna, sobretudo aves: borrelhos, garajaus, andorinhas do mar, gaivinas ou chilretas podem aqui nidificar tranquilamente, longe dos predadores naturais.

A partir do porto de embarque é possível fazer um percurso de natureza sobre um passadiço de madeira, construído com sulipas de caminho de ferro. Para nascente a ilha ganha robustez, configurando o cabo de St.ª Maria, o extremo meridional de Portugal Continental.




Notas: As correntes junto à barra são normalmente muito fortes, sendo necessária cautela.
Acesso de barco a partir de Faro (cais da Porta do Sol), durante o verão ou mediante solicitação. Equipamentos de apoio (restaurante e WC) e vigilância durante a época balnear. Orientação: sul, sudoeste.

2 comentários:

  1. Existe também acesso de barco a partir de Olhão, no cais a W da marina.

    ResponderEliminar
  2. A Praia da Ilha Deserta é vigiada durante a época balnear, tem Bandeira Azul, e os visitantes dispõem de todas as facilidades que se impõem no restaurante "Estaminé", única construção na Ilha para além dos apoios aos pescadores.

    ResponderEliminar