quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

No dia de S. Valentim, diz-me quanto gostas de mim

Pois é. Está quase a chegar o dia em que todos os apaixonados do mundo manifestam o seu amor pelo parceiro. Há quem queira escapadinhas românticas aventureiras, com escaladas a montanhas ou descidas de rios em canoa. Há quem prefira momentos culturais a dois, num roteiro por museus, galerias, peças de teatro, concertos ou cinema. Há quem não aprecie nada disto. E há ainda quem opte pelos mimos mais tradicionais, como jantares especiais à luz das velas e ofertas de corações, flores ou peluches felpudos. Seja como for, importante é demonstrarem (sobretudo) neste dia quanto gostam da vossa cara-metade. E o Algarve pode ajudar-vos nesta tarefa. Sabem como?

Através dos programas criados de propósito pelos restaurantes, hotéis, Spas e empresas da região para vocês. Hoje divulgamos alguns, mas até ao dia 14 teremos muitos mais para que possam escolher a atividade perfeita para o vosso Dia dos Namorados.


Créditos: Hotel Faro

Começamos então com um jantar romântico de degustação no dia 14 no Hotel Faro, seguido de uma noite de dormida, pequeno-almoço buffet e duas entradas gratuitas em dois museus da cidade ou, se preferirem, um agradável passeio no comboio turístico. Tudo isto por 68,50 € por pessoa.


Créditos: Conrad Algarve

De Faro para a Quinta do Lago, chegamos ao novíssimo (e requintado) Conrad Algarve. Este hotel apresenta-vos cinco sugestões diferentes: 1) um jantar de S. Valentim de seis pratos no restaurante Gusto by Heinz Beck; 2) uma combinação de tratamento de 90 minutos para dois na suite Spa VIP com jantar no Gusto by Heinz Beck; 3) alojamento num Deluxe Room decorado a rigor para celebrar o dia, jantar no no Gusto by Heinz Beck e ainda um pequeno-almoço servido na cama na manhã seguinte; 4) uma experiência para dois com a duração de 01h30 na suite Spa VIP (banho de rosas, degustação de uma delícia de chocolate com copo de champanhe, massagem lado a lado); 5) ou o programa mais completo, que inclui dormida num Deluxe Room (onde estará à vossa espera uma garrafa de champanhe), a experiência de 90 minutos na suite Spa VIP, o jantar e o pequeno-almoço na cama na manhã do dia 15.

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Algarve reeleito melhor destino de golfe europeu




O Algarve foi considerado pelo segundo ano consecutivo o melhor destino de golfe da Europa Continental pela relação preço/benefício (best value for money), ficando à frente da Turquia ou de Múrcia no título dos prémios da revista britânica «Today’s Golfer».

O destino algarvio foi o grande vencedor dos «Today’s Golfer Travel Awards», ao reunir 43 por cento dos votos de mais de 7000 eleitores, revelou a publicação. O Algarve foi ainda a região do país a figurar mais vezes na lista dos premiados, com seis distinções no total.

Nas categorias de «Melhor Campo de Portugal» e de «Melhor Hotel/Resort de Portugal», o destino continuou a liderar as preferências: o Oceânico Old Course, em Vilamoura, e Vale do Lobo ficaram em primeiro lugar, com 30 por cento e 15 por cento dos votos, respetivamente.

«Os campos de golfe algarvios são cerca de 40 e registam mais de um milhão de voltas por ano. Já foram distinguidos com vários prémios internacionais e este é mais um de que nos orgulhamos, sobretudo por ser atribuído por uma revista do Reino Unido, que continua a ser o nosso principal mercado emissor de turistas», diz o presidente do turismo algarvio, Desidério Silva, aproveitando para felicitar as empresas da indústria do golfe «pelo seu serviço de excelência».

A «Today’s Golfer» é uma das revistas temáticas mais vendidas do Reino Unido e todos os meses chega a mais de 200 mil golfistas britânicos. É desde 2010 uma publicação aprovada pela IAGTO (International Association of Golf Tour Operators).

«Today’s Golfer Travel Awards»

Best value destination (Europa Continental)
1. Algarve (43%)
2. Turquia (13%)
3. Múrcia (12%)

Melhor Campo de Portugal
1. Oceânico Old Course, Vilamoura (30%)
2. Onyria Palmares Golf, Meia Praia – Lagos (11%)
3. San Lorenzo Golf Course, Quinta do Lago (11%)

Melhor Hotel/Resort de Portugal:
1. Vale do Lobo (15%)
2. Dona Filipa Hotel & San Lorenzo Golf Resort, Vale do Lobo (14%)
3. Quinta da Marinha, Cascais (11%)

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

10 sugestões para desfrutar o Algarve





1. Praia da Marinha. Nos últimos prémios europeus dos World Travel Awards – os Óscares do Turismo –, o Algarve foi eleito o «Melhor destino de praia da Europa». A escolha é ilustrada aqui pela praia da Marinha, no município de Lagoa, já considerada uma das cem praias mais bonitas do mundo pelo Guia Michelin.


2. Fortaleza de Sagres. Com 255 mil visitantes em 2012, a fortaleza de Sagres foi o monumento mais visitado no Algarve e um dos mais procurados pelos turistas em todo o País. Situada no cabo de Sagres, famoso pela sua beleza ímpar, a fortaleza deve a sua origem ao infante D. Henrique, que aqui instituiria uma vila e viria a falecer em 1460. No interior da fortaleza podem ver-se a enigmática rosa dos ventos desenhada no chão e uma muralha corta-ventos com falsas ameias, que permitem vigiar o gigantesco dedo de pedra que na Ponta de Sagres aponta para o mar.

3. Ria Formosa. Eleita uma das «7 maravilhas naturais» de Portugal em 2010, a ria Formosa descobre-se nos trilhos pedestres ou em lentos passeios de barco. É um vasto ecossistema de características geológicas únicas que se estende por uma área de cerca de 20 mil hectares e 60 quilómetros de costa e local de ocorrência de milhares de aves aquáticas ao longo do ano, como o flamingo, a águia de asa redonda, a galinhola e o guarda-rios.

4. Castelo de Silves. Mais de 167 mil visitantes passaram por aqui em 2012, fazendo do imponente castelo de Silves um dos monumentos mais visitados no Algarve. A sua origem remonta ao séc. VIII e o castelo, rodeado por uma forte muralha em taipa revestida em grés de Silves, permanece o melhor exemplar da arquitetura militar árabe existente em Portugal.

5. Zoomarine. Os golfinhos são as estrelas do maior parque temático familiar do Algarve, situado na Guia, a poucos quilómetros de Albufeira. As surpreendentes apresentações fazem da visita ao parque um dia inesquecível e incluem ainda focas, leões-marinhos, aves tropicais e de rapina e os incríveis tubarões, para além das diversões e das piscinas.

6. Centro histórico de Faro. Na vila-a-dentro, rodeada de muralhas onde outrora chegava a água do mar, o coração histórico de Faro concentra a sé catedral, o bispado do Algarve, o seminário, os paços do concelho, museus, conventos, galerias de arte e casas apalaçadas. O passeio deve iniciar-se no arco da Vila e terminar no arco do Repouso e na sé é obrigatório subir ao miradouro e desfrutar da vista deslumbrante sobre a cidade e a ria Formosa.

7. Marina de Vilamoura. A maior e «Melhor marina de Portugal», por eleição do trade, é um dos principais pólos de atração do destino e um ponto de paragem obrigatório para quem pretende relaxar os sentidos e passar um bom momento. Vilamoura foi das primeiras marinas certificadas do mundo e foi também galardoada com a bandeira Azul da Europa e com a distinção máxima de 5 âncoras pela Yacht Harbour Association.

8. Oceânico Old Course. O Algarve foi por duas vezes considerado o melhor destino de golfe do mundo pela International Association of Golf Tour Operators. Em 2012 foi o grande vencedor dos «Today’s Golfer» Travel Awards: foi eleito o destino de golfe com o melhor best value for money da Europa Continental nos prémios da revista britânica e o Oceânico Old Course, em Vilamoura (na foto o buraco 11), foi eleito o «Melhor campo de Portugal».

9. Igrejas de Tavira. Local de cruzamento de povos e de culturas, Tavira ganhou prestígio político, religioso e económico com a expansão portuguesa para o Norte de África nos séculos XV e XVI. Em resultado da sua importância e prosperidade, Tavira possui um notável conjunto de arquitetura religiosa e é conhecida por ser a «cidade das igrejas»: vinte e uma, incluindo seis antigos conventos, guardam tesouros artísticos acumulados ao longo de séculos.

10. Festival do Marisco. É uma das maiores tentações gastronómicas do Algarve e ponto de passagem obrigatório para milhares de turistas que visitam a região no verão. No «Festival do Marisco» de Olhão não faltam camarões, sapateiras, amêijoas e outros frutos do mar servidos ao natural, grelhados, na cataplana ou preparados com arroz ou com o tradicional xarém.




quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

À conquista do fundo do mar

O repórter Tintim, a famosa personagem de banda desenhada criada por Hergé, viajou até à Lua no início da década de 50 do século XX. Não se preocupem porque não vamos mandar-vos explorar o satélite natural da Terra como ele, mas vão precisar do espírito de aventura deste herói das histórias aos quadradinhos para a nossa sugestão de atividade. Ela acontece no fundo do mar do Algarve, a muitos metros de profundidade, e envolve corais, anémonas, algas, peixes e navios afundados.






Esta proposta mete água (literalmente) e interesses sem conta para os apreciadores da arte do mergulho: lesmas, esponjas, moreias, chocos, polvos e crustáceos são algumas espécies que prometem encher a vista dos exploradores subaquáticos do Algarve. Mas há mais.

Com uma visibilidade a 50 metros de profundidade, a costa algarvia guarda outras atrações para quem quiser imergir nela. O Ócean – imponente navio francês do século XVIII afundado pelos ingleses durante a Guerra dos Sete Anos – deixou vestígios que agora são pólo turístico. Os restos do seu esqueleto de madeira, depositado há 250 anos no fundo do oceano, têm movido as atenções dos «turistas do escafandro», na sua maioria portugueses e do Norte da Europa.

Mas a grande novidade para os mergulhadores com entusiasmo particular por naufrágios é a construção do primeiro parque subaquático do país. E aqui mesmo, no Algarve. Trata-se do projeto Ocean Revival (ainda em fase de implementação), que pretende afundar quatro navios de guerra ao largo de Alvor, em Portimão, a 30 metros de profundidade. Os primeiros dois já foram, aliás, afundados e irão ganhar nova vida ao serem transformados em recifes artificiais.

Enquanto o «museu» não está concluído, e enquanto não podem dar uso aos vossos fatos, óculos, garrafas de oxigénio e barbatanas perto do Ocean Revival, têm sempre a hipótese de irem descobrindo os mistérios da vida marinha da região e os percursos já assinalados através do «Guia de Mergulho do Algarve», editado pela empresa Subnauta, com 50 locais com potencial para o mergulho. Está à venda nos postos de turismo da região.

Nota: se ainda não têm curso ou certificação para mergulhar, ficam a saber que há empresas especializadas no Algarve que dão formação nesta modalidade. Mais informações aqui.

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Bilhete-postal: Albufeira


Em julho de 1975 o Zé escrevia aos pais que estavam em Loures. Neste postal, com vista sobre Albufeira, contava que a família tinha feito boa viagem e que "isto" – entenda-se o Algarve – era "maravilhoso". Nós achamos que continua a ser, por isso recordamos imagens e palavras de outros tempos.

Nota:  Coleção “Postales Escudo de Oro”, sem data.

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

O trilho do camaleão

Há um simpático réptil que cede o nome a um percurso pedestre no Algarve. E isso acontece porque nesse local (falamos da mata nacional das dunas de Vila Real de Santo António) residem as últimas populações portuguesas do camaleão-comum. Para quem é apreciador da natureza e do pequeno animal que muda de cor consoante a luz e a sua vontade, o «Trilho do Camaleão» é um bom roteiro para o tempo livre.

Créditos João Eduardo Pinto

Partimos do Centro de Informação Ambiental do Camaleão, em Vila Real de Santo António, e dirigimo-nos para Monte Gordo. A paisagem é dominada pelo pinheiro-bravo mas também se encontram, com um olhar mais atento, o tojo-do-sul, as aroeiras ou a retama (um tipo de giesta).

Mas o grande protagonista deste percurso com cerca de cinco quilómetros é sem dúvida o camaleão, que encontra no Algarve a única zona portuguesa com as condições climatéricas e ecológicas ideais para a sua sobrevivência.

Créditos José Barreiro

Este predador em ponto pequeno raramente atinge mais de 30 centímetros de comprimento e poderão vê-lo a caminhar no seu passo hesitante, ou agarrado a um ramo com os seus pés pentadáctilos ou ainda a comer insetos voadores como moscas e gafanhotos.

Nota importante: por mais que seja uma tentação pegar no curioso animal com aspeto pré-histórico, o melhor comportamento a ter é deixá-lo sossegado no seu habitat natural. Assim garantimos a sua conservação, já que é uma espécie de grande vulnerabilidade. Combinado?

quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Os segredos de... Margarida Rodrigues


Porque o Algarve é o segredo mais famoso da Europa, temos vindo a colecionar segredos algarvios confiados pelos nossos amigos. Depois vamos desvendando por aqui quais são, na certeza de que eles podem ser inspiradores.

Juntem-se a nós. Contribuam para esta coleção confessando-nos também os vossos. Contem-nos as vossas preferências, relatem-nos as vossas mais belas e divertidas experiências no Algarve. Mandem-nos imagens. Escrevam-nos para blog@turismodoalgarve.pt

Nós prometemos não guardar segredo de nada.

Hoje revelamos os da nossa colega Margarida Rodrigues que vive em Quarteira e que acha que o Algarve é para desfrutar todo o ano.


No Algarve… Quando?
Todo o ano.
  

Um local memorável…?
A praia da Rocha Baixinha.
  

A companhia ideal…?
Os amigos…sempre.


Algarve combina com…?
Petiscos, sol, praia e animação.



Um sabor do Algarve…?
Camarão de Quarteira .


O que não dispensa no Algarve…?
O pôr do sol à beira mar.

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Boas notícias para o Algarve


Nada melhor do que começar 2013 com boas notícias. Não, o Algarve não entrou para o livro dos recordes «Guinness», mas tem agora quatro novos motivos de orgulho para ostentar. Se não sabem quais são, leiam, pois então.

Créditos fotográficos: Hélio Ramos.

Motivo 1: o Algarve foi incluído no top 10 dos destinos perfeitos para férias em família em 2013. O ranking foi elaborado pelo sítio britânico de viagens TravelSupermarket, que escolheu sobretudo a região algarvia pelas suas praias e pelos resorts, parques temáticos e restaurantes que oferece.

Créditos fotográficos: Assis Coelho.

Motivo 2: o edifício histórico do Café Aliança, situado na baixa da cidade de Faro, foi classificado no final do ano passado como monumento de interesse público pelo Governo, através da secretaria de Estado da Cultura.

Praia da Falésia, Albufeira. Créditos fotográficos: Hélio Ramos.

Motivo 3: Albufeira é um dos três concelhos do país com mais qualidade de vida, segundo o Indicador Concelhio de Desenvolvimento Económico e Social de Portugal. Mais: neste estudo da Universidade da Beira Interior, o Algarve surge com um total de 11 concelhos no top 30 da lista que pretende avaliar a qualidade de vida dos municípios portugueses.

Créditos fotográficos: Algarve Film Commission.

Motivo 4: Lagos, São Brás de Alportel, Silves e Tavira são quatro dos cinco municípios portugueses que fazem parte da nova Associação Cittaslow Portugal. O movimento Cittaslow tem como principais recomendações para as cidades aderentes a valorização do património urbano histórico e dos costumes e produtos locais, a redução dos consumos energéticos, a multiplicação dos espaços verdes e de lazer, a limpeza e manutenção dos espaços urbanos, o desenvolvimento do comércio de proximidade e a criação de equipamentos adaptados aos portadores de deficiência.

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Algarve: Room with a view (com 'slideshow')

Quais são as vossas vistas favoritas?

O Algarve, segredo mais famoso da Europa, é feito de muitos segredos. E nós, confessamos, não sabemos guardá-los. É por isso que juntámos na mesma apresentação a coleção de fotos de quartos de hotel com vista publicadas neste blogue nos últimos meses.