sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Setembro começa com desporto e músicas do mundo

O bem bom dos dias estendidos na praia e do descanso das férias está quase a acabar, mas o Algarve prolonga a animação em setembro para que vocês continuem cheios de atividades para fazer. Desporto, música, artesanato, festas e gastronomia: este é o plano para ocuparem o tempo livre durante o próximo mês na região. 

O programa começa no dia 05 em modo desportivo com o Loulé World Cup 2013, que juntará no pavilhão desportivo municipal ginastas de diversos países naquela que é uma das maiores provas mundiais de trampolins e tumbling. O campeonato decorre até ao dia 07 e é uma organização conjunta da autarquia, da Associação de Pais e Amigos de Ginástica de Loulé e da Federação Portuguesa de Trampolins e Desportos Acrobáticos. 



É precisamente por esses dias que também começará o Festival Adentro, evento que entra na terceira edição mantendo a aposta de encher de pessoas e de músicas do mundo o centro histórico de Faro. Entre 06 e 07, o largo D. Afonso III receberá os ritmos de três formações musicais portuguesas e de uma espanhola: os espanhóis «The Burnt Old Man» (dia 06), o «Trio Alcatifa» (dia 06), o grupo algarvio «Fad’Nu» (dia 07) e o «Pás de Probléme» (dia 07). 

Mas atenção: nem só de música se faz este festival de entrada livre. Os concertos arrancam às 22h30, embora o espaço comece a fervilhar mais cedo, às 21h30, com as bancas do Mercado da Traça a abarrotarem de artesanato urbano, produtos regionais e artigos em segunda mão. Novidade será a presença do coletivo Terminal Studios na cidade velha para fazer caricaturas dos que por ali passarem. 




Depois do desporto e da música, calha bem uma petiscada. Foi exatamente isso que pensou a organização das Festas do Pescador, em Albufeira, onde serão levados para a mesa os pratos típicos algarvios ligados ao mar. Carapaus alimados, marisco, choquinhos com tinta e xarém com conquilhas – todos poderão ser degustados neste evento ao compasso de música e folclore (haverá quatro atuações de ranchos e grupos de dança e cantares do país). Agora o mais importante: as festas têm lugar na praça dos Pescadores, de 06 a 08, a partir das 18h00, com entrada livre. 




Entretanto, no largo dos Chorões de Monchique tem também início a Artechique – feira de artesanato e sabores de Monchique. De 06 a 08, os visitantes terão a oportunidade de conhecer a gastronomia e as artes da serra algarvia neste certame promovido pela junta de freguesia local. Os cestos de vime, as cadeiras de tesoura e as rendas antigas são apenas alguns dos trabalhos em exposição, aos quais se juntam sabores tipicamente monchiquenses como o presunto, os enchidos, o medronho, a melosa e o mel. 

Precisamente naqueles dias arranca a Feira da Dieta Mediterrânica em Tavira, uma estreia no cartaz de eventos algarvio. São três dias (06, 07 e 08) atulhados de propostas para quem estiver na zona. Mercado de produtores, passeios no território, colóquios, oficinas de comida, provas cegas e degustações, música e exposições constam do programa desta feira inserida na promoção da Candidatura Transnacional da Dieta Mediterrânica como Património Cultural Imaterial da Humanidade. 

A animação continua nos dias 13, 14 e 15, desta vez num município do interior algarvio que pouco ultrapassa os 576 quilómetros quadrados de área: Alcoutim. As Festas de Alcoutim são já habituais no calendário anual de eventos, já que coincidem com o feriado municipal (13 de setembro). Estão várias atividades programadas para o cais e para a praça da República, por isso o melhor é estar atento ao sítio da autarquia para escolher o que fazer na altura. 

Todos estes momentos de animação estão integrados no folheto «Algarve com Eventos» que visa juntar a programação das Câmaras Municipais e de outras entidades algarvias num guia em formato de bolso que facilitará a pesquisa de quem procura o que há para fazer na região. O folheto pode ser encontrado nos postos de turismo do Algarve e pode ser descarregado aqui.

terça-feira, 27 de agosto de 2013

Cinco experiências imperdíveis em Quarteira (e arredores)

Quarteira, antiga aldeia de pescadores, é hoje uma cidade cosmopolita e um dos principais centros turísticos do Algarve. Do seu posto de turismo chegam-nos cinco sugestões de experiências imperdíveis para quem a procura.


1-Visitar as ruínas romanas do Cerro da Vila

As ruínas romanas do Cerro da Vila, localizadas em Vilamoura, integram o que terá sido, entre os séculos I e III, uma villa rústica rodeada de campos férteis. Essa casa de campo com termas particulares bem como os balneários públicos que existiram no local eram abastecidos de água a partir de uma barragem construída a cerca de 2 km de distância.

 
Créditos fotográficos: http://www.vilamoura.pt/ e Turismo do Algarve


Os mosaicos que se podem observar na estação arqueológica do Cerro da Vila testemunham o luxo da decoração daquela casa nobre da qual restam vestígios da sala de receção, dos quartos, da cozinha e das áreas de serviço de servos e escravos, que incluíam um cryptoporticum.


As ruínas romanas do Cerro da Vila estão classificadas como imóvel de interesse público e além dos vestígios da villa, dos balneários, dos tanques de salga de peixe e das fundações de uma torre funerária, dispõem também de um museu.


2- Seguir os trilhos de natureza na Quinta do Lago

É inevitável recomendar um passeio pelos trilhos da Quinta do Lago, parte integrante do Parque Natural da Ria Formosa que constitui um destino de luxo para os observadores de aves e amantes das caminhadas, não só pela diversidade de espécies que aqui ocorrem, como pelas condições criadas para a sua apreciação.

 
Créditos fotográficos: Luisa Correia


Chegados ao parque de estacionamento junto à ponte de madeira que permite o acesso à praia, existem dois percursos sinalizados: o trilho São Lourenço para leste e o trilho Quinta do Lago na direção oeste.


3- Divertir-se em família no Family Golf Park

Family Golf Park é um espaço de lazer onde os adultos e as crianças podem experimentar as emoções do Super Mini-golfe e fazer uma “viagem” à época romana.


Créditos fotográficos: Family Golf Park

Possui uma área rodeada de espaços verdes, dois percursos de mini-golfe de 18 buracos, esplanadas e um espaço infantil onde também se realizam festas de aniversário. Além disso, também é possível visitar Vilamoura numa viagem proporcionada pelo comboio turístico do parque.


4 – Assistir às marchas dos Santos Populares

Um dos mais bonitos e elaborados desfiles de Santos Populares em Portugal tem em Quarteira o seu palco principal.  Por isso não se podem esquecer de a visitar em junho de modo a poderem assistir na marginal, nos dias 12, 23 e 28, ao desfile de centenas de marchantes em representação das diversas ruas da cidade. Vão ver que se encantam com o seu rico colorido, as suas músicas e coreografias.


Créditos fotográficos: Planetalgarve


5- Participar na Festa da Nossa Senhora da Conceição (padroeira de Quarteira)


Há outra data que devem apontar na vossa agenda: é o dia 8 de dezembro, quando a cidade de Quarteira recebe a sua mais importante festa religiosa. Trata-se da festa em honra de Nossa Senhora da Conceição, padroeira dos pescadores e de Portugal.


Créditos fotográficos: Câmara Municipal de Loulé e Junta de Freguesia de Quarteira

O ponto alto desta celebração é a viagem por mar da Padroeira, seguida pelos barcos engalanados ao mesmo tempo que a procissão em terra a acompanha ao longo da praia.

E para quem quiser sugestões adicionais, basta contactar o Posto de Turismo de Quarteira ou um dos restantes postos de informação turística disponíveis no Algarve.