sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Mercados de fim de semana no Algarve



Os finais de semana animam-se um pouco por todo o Algarve por conta dos mercados locais. Albufeira, Alcoutim, Aljezur, Castro Marim, Faro, Lagoa, Lagos, Loulé, Monchique, Olhão, Silves, Tavira, Vila Real de Santo António e Vila do Bispo acolhem aos sábados e domingos verdadeiros espaços de intercâmbio direto entre produtores e consumidores. 

Frutas, hortaliças, cereais, ervas aromáticas, legumes e alimentos processados como compotas e temperos são grande parte da oferta. A diversidade é um dos pontos fortes, bem como o respeito pela sazonalidade. Não há nestes mercados produtos «fora de época». 

As cidades, regra geral em locais centrais como as escolas, juntas de freguesia, estádios de futebol e, não raras vezes, junto aos mercados convencionais, enchem-se de gente. Gente da terra e visitantes que se deslocam propositadamente. Há também muitos turistas curiosos atraídos pelo bulício. Partilham-se experiências, recuperam-se vínculos e criam-se laços de proximidade. 

O contacto direto com o produtor no ato da compra potencia a confiança, já que quem adquire passa a conhecer o processo de produção. É sabido também que os produtores dispensam a existência de intermediários, o que contribui para diminuir o preço dos produtos. E o cliente agradece. 

Os mercados algarvios, muito sustentados numa agricultura familiar, atraem novos visitantes à cidade, permitem aos produtores chegar a novos clientes e promovem o pequeno tecido produtivo local, tornando-se numa forma de consumir favorável quer para os consumidores, quer para os produtores, quer para o meio ambiente. 

Para este fim de semana, aqui fica então o desafio de visitarem os mercados algarvios e de fazerem parte de uma agradável e saudável experiência. Temos a certeza de que irão desfrutar!

Sem comentários:

Enviar um comentário