sexta-feira, 4 de novembro de 2016

6 castelos para visitar no Algarve

O Algarve é terra de praias de areia dourada e águas cristalinas, mas também de antigos reinos e castelos medievais. Durante séculos, romanos, fenícios, muçulmanos e cristãos foram cativados pela beleza do Algarve e pela sua posição geográfica privilegiada, o que levou a que se instalassem na região, deixando uma importante herança cultural que faz parte do ser algarvio. As fortalezas são vestígios do rico passado cultural do Algarve, vamos descobri-las?

Castelo de Silves


O Castelo de Silves está classificado como Monumento Nacional. É o maior e mais importante do Algarve e o segundo monumento mais visitado, após a Fortaleza de Sagres. Construído pelos árabes no século XI, reflete o esplendor da civilização islâmica na época e a importância que tinha no Algarve no seu território. Situa-se no ponto mais alto da cidade de Silves e é considerado o castelo mouro melhor preservado do país. O forte pode ser visitado e pode ainda caminhar pelas suas largas paredes de arenito. O Castelo oferece amplas vistas sobre o vale do Arade e a cidade de Silves.

Castelo de Castro Marim


Construído no século XIII, durante o reinado de D. Dínis, é considerado um dos mais significativos monumentos da Idade Média na região. Encontra-se integrado na Reserva Natural do Sapal de Castro Marim e Vila Real de Santo António onde se pode desfrutar de uma deslumbrante vista panorâmica sobre o rio, o sapal, a serra, as salinas e as praias do litoral. Todos os anos, no Castelo de Castro Marim, decorre a feira medieval que deve visitar pelo menos uma vez.

Castelo de Lagos


A sua construção começou no tempo dos romanos, embora tenha sido com a conquista muçulmana que foi ampliado e reforçado. Até 1755, foi a Casa dos Governadores do Algarve, data em que foi afetado por pelo tsumani que se seguiu ao grande terramoto. Após a sua reconstrução, foi reconhecido como Monumento Nacional.

Castelo de Paderne


É um dos sete castelos representados na bandeira de Portugal. Construído na segunda metade do século XII, durante a ocupação árabe, o Castelo de Paderne, no concelho de Albufeira, é um dos exemplos mais significativo da arquitectura militar muçulmana na Península Ibérica. É considerado Monumento Nacional desde 1971. Esta fortaleza tem a distinção de ter sido construída em taipa no período almóada, durante a última fase da ocupação muçulmana da península Ibérica.

Castelo de Loulé


A origem do Castelo de Loulé remonta à antiga cidade medieval, Al'-Ulya, fundada pelos muçulmanos durante o século VIII. Em 1249, após a reconquista de D. Afonso III, o castelo mouro foi reconstruído e Loulé tornou-se parte da coroa portuguesa, como um dos principais centros mercantis do Algarve medieval.

Forte de São João de Arade


Localizado em Ferragudo, o Forte São João de Arade ergue-se sobre duas praias, a praia da Angrinha e a praia Grande, dominando a paisagem da foz do rio Arade. Construído sobre uma rocha sólida, é um dos poucos castelos que não foram destruídos durante o terramoto de 1755. Encontra-se bem preservado, com um amplo jardim muralhado. Comporta ainda uma ampla residência com vários conjuntos de muralhas ameadas, em diversos planos.


Tais como estes, o Algarve esconde outros locais que merecem a sua visita. Esperamos por si!

Edição: Sara Viegas
Fotos: Hélio Ramos/Arquivo RTA

1 comentário:

  1. O titulo deveria ser 5 castelos, alguns dos quais ruínas que se pode visitar no Algarve, o de ferragudo é privado e não visitável...

    ResponderEliminar